TRILHAS SONORAS SIMONE


ANOS 1970 | 1980 | 1990 | 2000 | 2010      

A primeira música gravada por Simone para ser incluída em uma trilha sonora foi ‘O que será’  (‘Abertura’, ‘À flor da terra’ e ‘À flor da pele’), de Chico Buarque. Sua voz, ainda em começo de carreira, ecoou em um dos maiores recordistas de público do cinema nacional de todos os tempos, o filme ‘Dona Flor e Seus Dois Maridos’, de Bruno Barreto (1976). Desde então as trilhas sonoras, principalmente de novelas, passaram a fazer parte da carreira de Simone.
Aqui você encontrará a relação de todas as músicas gravadas pela cantora (algumas com exclusividade) e incluídas em trilhas sonoras de diversos gêneros (cinema, teatro, novela). Há também detalhes, como encartes em alguns ítens, assim como versões de músicas e vídeos relacionados. 

 

Fontes:  Site Teledramaturgia, de Nilson Xavier, e livro * Teletema, de Guilherma Bryan e Vincent Villari (Dash Editora, 2014)

OUÇA PLAYLIST COM TODAS AS TRILHAS SONORAS  
 

ANOS 1970
DONA FLÔR E SEUS DOIS MARIDOS 
Filme de Bruno Barreto
Lançado em 26 de novembro de 1976
 
O que será – Abertura (Chico Buarque) ++   
O que será – à flor da pele (Chico Buarque) +  
O que será – à flor da terra (Chico Buarque)  ++  
++ Peters International, 1977 
+ Paramount Pictures, 1976 (Não foi incluída no álbum com a trilha sonora)
 

 
VEJA O ENCARTE


O PROFETA
Novela de Ivani Ribeiro
Exibida entre 24 de outubro de 1977 e 29 de abril de 1978, Tupi, 20h
Jura Secreta (Sueli Costa/ Abel Silva)  
Do álbum ‘Face a Face’, 1977
Tema de Carola (Débora Duarte)
 

MAIS INFORMAÇÕES

A seleção desta trilha hiperpopular, com direção artística de Cayon Gadia e produção de AryTell, Paulo Roberto e do sonoplasta Pedro Jacinto, traz músicas com letras de forte cunho moral, que questionam de forma dramática a falta de amor no coração dos homens (…)

O maior sucesso do disco, porém, é o tema de Carola (Débora Duarte): “Jura Secreta”, de Sueli Costa e Abel Silva, gravado pela cantora baiana Simone, dona de uma das vozes mais marcantes da música brasileira então estreando em trilhas de novelas. A canção, a um só tempo terna, tensa e triste, suja sofisticação de letra e música destoa do resto do álbum, revela a urgência de um grito sufocado: “Só uma palavra me devora/ Aquela que meu coração não diz/ Só o que me cega, o que me faz infeliz/ É o brilho do olhar que não sofri” (…) *

 


O PULO DO GATO
Novela de Bráulio Pedroso
Exibida entre 16 de janeiro a 28 de julho de 1978, Globo, às 22h
Face a Face (Sueli Costa/ Cacaso)  
Do álbum ‘Face a Face’, 1977
Tema de Nando (João Carlos Barroso) e Maíra (Marly Aguiar)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Tema de Nando (João Carlos Barroso) e Mayra (Marly Aguiar)A novela critica, com humor, a alta sociedade a qual pertence o playboy falido Bubi Mariano (Jorge Dória) (…)Nesta trilha cheia de suingue, que contou com a produção de Otávio Augusto (o ex brazilian Singer Pete Dunaway) e pesquisa musical de João Mello e Arnaldo Schneider (…) Entre os temas românticos, o maior sucesso foi o tema de Nando (João Carlos Barroso) e Maíra (Marly Aguiar), “Face a Face”, de Sueli Costa e Cacaso, gravado por Simone para seu álbum homônimo (…) *


SINAL DE ALERTA
Novela de Dias Gomes
Exibida entre 31 de julho de 1978 e 26 de janeiro de 1979, Globo, 22h
Medo de Amar no. 2 (Sueli Costa/ Tite Lemos)  
Do álbum ‘Cigarra’, 1978
Tema de Rudi (Jardel Filho) e Talita (Yoná Magalhães)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Com o início da abertura política e a extinção do AI-5 no início de 1979, Dias Gomes abriu mão da sátira e da fantasia para criticar, com um realismo cortante, a destruição da natureza  devido à ganância humana (…)  A abertura foi a única de todas as novelas da TV Globo a não possuir música: sua sonoplastia consiste na colagem de ruídos do caos urbano, como o som de buzinas, aviões, trens e ônibus. E sua trilha musical, com direção de Guto Graça Mello, produção de Otávio Augusto e Júlio Medaglia e pesquisa de repertório de Arnaldo Schneider, contem faixas coerentes (…)Para o romance entre Rudi (Jardel Filho) e Talita (Yoná Magalhães), Simone canta a sensual “Medo de Amar nº 2”, composta por Sueli Costa e Tite de Lemos : “E eu sinto o corpo mole/ E eu quase que faleço/ Quando você me bole e bole/ E mexe e mexe/ E me bate na cara/ E me dobra os joelhos/ E me vira a cabeça” (…) *


SALÁRIO MÍNIMO
Novela de Chico de Assis
Exibida entre 11 de setembro de 1978 e 10 de março de 1979, Tupi, 19h
 
Então Vale à Pena (Gilberto Gil)  
Do álbum ‘Cigarra’, 1978
 

MAIS INFORMAÇÕES

Esta interessante trilha, produzida por Ana Maria Mazzocchi, com direção de Humberto Gargiulo e Jurandir Ferreira Neto, contém faixas com temas sociais muito apropriados para a trama (…) Também Gilberto Gil está presente com duas composições: “Então Vale a Pena”, gravada por Simone sobre a coragem necessária para viver; e “Um sonho”, na voz de Marcelo (…) *


MEMÓRIAS DE AMOR
Novela de Wilson Aguiar Filho, baseada no romance ‘O Ateneu’ de Raul Pompéia
Exibida entre 5 de março a 2 de junho de 1979,  Globo, 18h
 
Jura secreta (Sueli Costa/ Abel Silva)    
Do álbum ‘Face a Face’, 1977
Tema de abertura  
 

MAIS INFORMAÇÕES

Inspirada no romance “O Ateneu”, de Raul Pompéia, a novela, passada no final do século XIX, gira me torno do Ateneu, o maior colégio interno para rapazes da corte carioca (…)A trilha desta novela , produzida por Guto Graça Mello e Octavio Burnier, com pesquisa de repertório de Arnaldo Schneider, traz uma curiosa canção de Wando, “Emoções”, que narra,  de forma velada, uma relação homossexual (…) Esta música estaria perfeitamente adequada à novela se a adaptação fosse fiel ao livro, no qual é latente  a tensão sexual entre Sérgio e os colegas de internato Sanches (Tião D’Ávila), Bento ( Alves (Ivo Giffoni) e Egbert (Ricardo Blatt).  Mas, diante das limitações impostas pela censura,  o autor fez Sérgio se apaixonar por Maria (Myrian Rios), personagem que não existia no livro (…)

O tema de abertura, “Jura Secreta”, composta por Sueli Costa e Abel Silva, cantada por Simone e já ouvida na trilha de “O Profeta”, também aborda em sua letra, de forma metafórica, a mordaça que a ditadura impunha: ” Só uma coisa me entristece/ O Beijo de amor que não roubei/ A jura secreta que não fiz/ A briga de amor que não causei”. É possível perceber, portanto, que esta trilha buscou endossar o que a adaptação televisiva foi obrigada a atenuar, ou seja, o paralelo traçado entre o autoritarismo da época da trama e o da ditadura militar. *


CARA A CARA
Novela de Vicente Sesso
Exibida entre 16 de abril e 30 de dezembro de 1979, Bandeirantes, 19h
 
Cigarra (Milton Nascimento/ Ronaldo Bastos)  
Do álbum ‘Cigarra’, 1978
 

MAIS INFORMAÇÕES

Enquanto a Tupi entrava em seus derradeiros dias, a TV Bandeirantes voltava a investir no gênero (…)  Nesta trama, Fernanda Montenegro é Ingrid Von Herbert, milionária que procura seu filho nascido num campo de concentração nazista e é  trazido ainda bebê para o Brasil (…)  A direção musical desta trilha lançada pela Bandeirantes Discos foi assinada por Antonio Marcos (…)
 
Simone canta uma das músicas mais marcantes de seu repertório, “Cigarra” de Milton Nascimento e Ronaldo Bastos, cujo título se tornou o apelido da intérprete (…) *


MALU MULHER
Seriado de Daniel Filho, Armando Costa, Euclydes Marinho, Lenita Plonczynska e Renata Pallotini
Exibido entre 24 de maio de 1979 e 22 de dezembro de 1980, Globo, 22h
 
Começar de Novo (Ivan Lins/ Vitor Martins)  
Do álbum ‘Pedaços’, 1979
Tema de abertura (instrumental)   e Tema de Malu (Regina Duarte)
 

MAIS INFORMAÇÕES

(…) Para a trilha sonora do revolucionário programa, Daniel Filho e Guto Graça Mello selecionaram onze faixas interpretadas por mulheres. “Curiosamente, as cantoras que eram as grandes daquela época são as mesmas ainda hoje”, assegura Guto.  A reunião de temas resultou não apenas no LP da série, mas também no programa musical Mulher80, no qual as intérpretes cantaram e deram emocionantes depoimentos  sobre suas vivências e opiniões a respeito da condição feminina. Dirigidas por Daniel Filho, todas as cantoras (com exceção de Maysa, já então falecida) se reuniram em um palco e cantaram juntas a marchinha “Cantores do Rádio”, composta em 1936 por Lamartine Babo, João de Barro e Alberto Ribeiro. A imagem de todas as cantora juntas, de mãos dadas, com a atriz Regina Duarte ao centro, ilustrou a capa do LP. “Foi uma grande idéia do Daniel. Ele conseguiu juntar todas as grandes cantoras, o que foi uma coisa milagrosa”, conta Gal Costa. “A gente tinha uma trilha maravilhosa e aí veio a idéia de fazer um especial sobre a nova mulher, já que era esse o tema do seriado. Começamos a olhar o elenco que essas mulheres formavam e realmente não todas, mas quase todas, formavam o perfil da mulher da época. Tem coisas fantásticas. A Marina cantou uma música da Ângela Ro Ro, que, ao piano, queria matar a Marina: ‘Porre, como vocês chamam essa mulher pra cantar?’ ‘Mas foi ela que gravou sua música.’ ‘Mas a música é minha. Eu sou cantora.’ O pau rolou. E vários romances começaram aqui também. Enfim, tanto o especial quanto o disco foram uma virada na história”, crê Guto.

O grande destaque é “Começar de Novo”, canção composta por Ivan Lins, sobre letra de Vitor Martins, em menos de duas horas, devido ao prazo exíguo para a estréia da série: “Começar de novo e contar comigo/ Vai valer a pena ter amanhecido/ Ter me rebelado, ter me debatido/ Ter me machucado, ter sobrevivido/ Ter virado a mesa, ter me conhecido”. O próprio Ivan comenta: ” Nós recebemos a sinopse e a encomenda era para a abertura da série. Com a música já pronta, a TV Globo foi escolher o intérprete e ficou entre Bethânia, Elis e Simone. A Elis até achou que eu tinha dado preferência à Simone, brigou comigo, mas eu não tive interferência. Foi uma música muito forte, que sobreviveu à série. Até hoje é minha música mais gravada internacionalmente e a que tenho que cantar nos shows. Eu considero uma das dez músicas mais importantes da minha carreira”. A emissora escolheu Maria Bethânia para interpretar a canção, mas esta, com o repertório de seu novo disco definido, não quis sequer ouvi-la. Simone foi  opção seguinte e esse registro a consagrou como uma das grandes intérprete da música brasileira. *

 

VEJA O ENCARTE


OS GIGANTES
Novela de Lauro César Muniz, Maria Adelaide Amaral e Walter George Durst
Exibida entre 20 de agosto de 1979 e 2 de fevereiro de 1980, Globo, 20h
 
Sob Medida (Chico Buarque)  
Do álbum ‘Pedaços’, 1979
Tema de Selma (Cleyde Blota)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Essa novela, a mais hardcore de nossa teledramaturgia, conta a história de Paloma (Dina Sfat), jornalista quer trabalha em Roma e volta à pequena cidade de Pilar ao saber que seu irmão gêmeo está desenganado devido a um câncer (…)

(…) Guto Graça Mello, que assina a direção musical deste álbum, com produção de Geraldo Vespar e pesquisa de repertório de Arnando Schneider, João Mello e Ezequiel Neves (…)

(…) “Tô Voltando”, samba de Maurício Tapajós e Paulo César Pinheiro que celebra a lei da anistia promulgada em agosto e o retorno ao Brasil de todos  os exilados políticos (e que, na novela, remete ao retorno de Paloma à sua cidade natal), gravada originalmente por Simone e aqui presente com o conjunto Viva Voz (…);  “Sob Medida”, bolero de Chico Buarque presente com Fafá de Belém em ‘Dinheiro Vivo’ e aqui com Simone, tema de Selma (Ceyde Blota), mulher despachada, dona de um botequim, que se envolve com o delegado que cuida do caso de Paloma, Victor ( Jonas Mello)  (…) *


PÉ DE VENTO
Novela de Benedito Ruy Barbosa
Exibida entre 1º de janeiro e 21 de junho de 1980, Bandeirantes, 19h
 
Vento Nordeste (Sueli Costa/ Abel Silva)  
Do álbum ‘Pedaços’, 1979
 

MAIS INFORMAÇÕES

Com direção musical de Nestor de Almeida, essa novela que narra a saga de Edmar (Nuno Leal Maia), rapaz humilde que veio de Minas Gerais com a família tentar a sorte em São Paulo (…)  teve sua trilha sonora lançada pela WEA (…) Os destaques são “Vento Nordeste”, cantada por Simone e composta por Sueli Costa e Abel Silva nos mesmos moldes de ” Jura Secreta” (…) *


ANOS 1980
ÁGUA VIVA
Novela de Gilberto Braga
Exibida entre 4 de fevereiro e 9 de agosto de 1980,  Globo, 20h
 
Desesperar,  Jamais (Ivan Lins/ Vitor Martins)  
Do álbum ‘Simone Ao vivo no Canecão’, 1980 (editada sem os aplausos)
Tema de Sueli (Ângela Leal) e, depois, de Lígia (Betty Faria)
 

MAIS INFORMAÇÕES

A novela gira em torna da ambiciosa Lígia (Betty Farias) (…) e Miguel (Raul Cortez), famoso cirurgião plástico (…) E a trilha retrata, com grande sensibilidade, o ambiente marítimo em que vive Nelson (Reginaldo Farias) e o universo sofisticado em que transitam Miguel, a perua Stella Simpson (Tônia Carrero) e a vilã Lourdes mesquita (Beatriz Segall) (…)

Gilberto Braga comenta a seleção do repertório: “Depois de ‘Dancin´Days’, eu e o Guto Graça Mello passamos a trabalhar sempre juntos. Esse disco nós fizemos com muito cuidado (…) “Desesperar Jamais”, um samba com Simone, era tema da Ângela Leal. Ela era a pentelha do triângulo, era a brega que gostava do Reginaldo (…) Todas as faixas (citadas) fizeram sucesso (…)

(…) Bethânia, Simone Elis, Gal, Gilberto Gil, Elizeth, João, Milton…para mim, é a melhor trilha nacional de novela já feita”, conclui o autor. *


CHEGA MAIS
Novela de Carlos Eduardo Novaes
Exibida entre 3 de março e 6 de setembro de 1980,  Globo, 19h
 
Saindo de Mim (Ivan Lins/ Vitor Martins)  
Do álbum ‘Pedaços’, 1979
Tema de Lúcia (Renata Sorrah)

 

MAIS INFORMAÇÕES

O título da novela seria Tom e Gelly, para sugerir uma briga de gato e rato entre os protagonistas interpretados por Tony Ramos e Sônia Braga (…)
O tema romântico de Tom e Gelly é ‘Abri a porta’, composição de Dominguinhos e Gilberto Gil para o conjunto A Cor do Som. Para a melhor amiga de Gelly, Lúcia (Renata Sorrah), mulher desquitada que se envolve com o músico baiano Amaro (Osmar Prado), as canções são ‘Trilhos urbanos’, de Caetano veloso, e ‘Saindo de mim’, de Ivan Lins e Vitor Martisn, com Simone (…) *


OS IMIGRANTES – Terceira Geração
Novela de Benedito Ruy Barbosa
Exibida entre 27 de abril de 1981 e 1º de novembro de 1982, Bandeirantes, 18h30
 
Ela disse-me assim (Lupicínio Rodrigues)  
Do álbum’ Cigarra’, 1978
 

MAIS INFORMAÇÕES

Este ambicioso projeto da TV Bandeirantes teve dez álbuns lançados em parceria com diversas gravadoras (…) Cada disco representa uma fase da trama (que começa em 1891 e vai até o início doa anos 1960). “A seleção era feita em conjunto pelo maestro Julio Madaglia, que era o diretor musical; Salathiel Coelho, que era o sonoplasta e por mim, que desenvolvia o projeto transferindo isso para discos e cassetes”, conta Wilson Rodrigues Poso (…)

Trilha Musical Nacional – Volume 3: Esta trilha, lançada pela EMI-Odeon, e as outras três a seguir serviram para embalar a última parte da saga, que recebeu o subtítulo “Terceira Geração” e passou a ser escrita por Renata Pallotini e Wilson Aguiar Filho (…)
Esta seleção musical foi rigorosa: há apenas canções compostas entre 1958 e 1962. O tom predominante é o samba-canção (…) Entre os sambas-canções, há também “Ela disse-me assim”, composto por Lupicínio Rodrigues em 1959 e gravado por Simone (…) *


BRILHANTE
Novela de Gilberto Braga
Exibida entre 8 de setembro de 1981 e 27 de março de 1982, Globo, 20h
 
Naquela Noite com Yoko (Sueli Costa/ Abel Silva)  
Do álbum ‘Amar’, 1981
 

MAIS INFORMAÇÕES

“Brilhante” foi mal recebida. Era um projeto muito equivocado. Eu saberia escrever hoje, acho, porque não tem mais censura. Era sobre um homossexual, o Dennis Carvalho, sem coragem de assumir (…) Então, a trilha não  repercutiu tanto porque a novela também não teve muita repercussão, lamenta o autor Gilberto Braga (…)

A trilha possui um tom intimista e melancólico, apropriado ao clima noir da trama (…)

Completam a trilha as belas canções “Mistério”, com Ângela Ro Ro; “Decisão”, com Joanna; “Naquela noite com Yoko”, com Simone; e Canção da manhã feliz”, com nana Caymmi  (…) *


TERRAS DO SEM FIM
Novela de Walter George Durst
Exibida entre 16 de novembro de 1981 e 27 de fevereiro de 1982, Globo, 18h
 
Povo da Raça Brasil (Milton Nascimento/ Fernando Brant)  
Do álbum ‘Pedaços’, 1979
 

MAIS INFORMAÇÕES

Para essa novela, baseada em três romances de Jorge Amado – “Cacau, “São Jorge dos Ilhéus e “Terras do sem fim” -,  (…) Guto Graça Mello convidou Dori Caymmi para colaborar na produção musical. O resultado é um disco musicalmente sofisticado e fiel ao universo do escritor baiano (…)(…)  Duas músicas  de Milton Nascimento e Fernando Brant, gravadas pelo primeiro no álbum “Sentinela”, aparecem em novas gravações: “Bicho homem”, com Fafá de Belém, tema do coronel Horácio;  e “Povo da Raça Brasil”, com Simone (…) *


ELAS POR ELAS
Novela de Cassiano Gabus Mendes
Exibida entre 10 de maio e 27 de novembro de 1982, Globo, 19h
 
Mundo Delirante (Sueli Costa/Abel Silva)  
Do álbum ‘Amar’, 1981
Tema de Natália (Joana Fomm)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Para a abertura da novela, que retrata o encontro de sete amigas de colégio após vinte anos sem se ver, a encomenda feita por Guto Graça Mello foi uma música pop que remetesse ao iê-iê-iê doa anos 1960. Nada melhor, portanto, do que um grupo associado à Jovem Guarda, os Fevers, que gravaram ‘Elas por elas’ (…)
As canções que embalam as amigas protagonistas são (…) “Mundo Delirante”, com Simone, tema de Natália (Joana Fomm), mulher atormentada que busca descobrir qual das amigas foi a responsável pela morte de seu irmão (…) *


SOL DE VERÃO
Novela de Manoel Carlos
Exibida entre 11 de outubro de 1982 e 19 de março de 1983, Globo, 20h
 
Tô que tô (Kleiton/ Kledir)  
Do álbum ‘Corpo e Alma’, 1982
Tema de abertura  
 

MAIS INFORMAÇÕES

Uma trilha marcante, na qual Guto Graça Mello incluiu dois hits extremamente representativos do então nascente BRock. O primeiro é “Tempos modernos”, o maior sucesso até então de Lulu Santos (…)
O segundo hit é “Você não soube me amar”, primeiro e maior sucesso da banda carioca Blitz (…)O tom jovial da novela e da trilha é reforçado pelas faixas “O melhor vai começar”, de Guilherme Arantes; “Coisas de casal”, de Rita Lee e Roberto de Carvalho , com a banda paulista Rádio Táxi (…) e o tema de abertura “Tô que Tô” de Kleiton e Kledir: “Vem cá de qualquer maneira/ Balança minha roseira/ Me bate de brincadeira/ Me chama de traiçoeira/ Me tranca na geladeira/ Apaga minha fogueira”. Era a primeira vez que uma abertura de novela apresentava uma letra tão sensual, valorizada pela interpretação faceira de Simone. “Foi nosso grande estouro como  compositores.  Mazzola, nosso diretor artístico na gravadora,  quando escutou essa música, levou para a Simone, que fez uma gravação maravilhosa em Los Angeles com o maestro e arranjador Erich Bulling. Quando virou abertura da novela foi uma loucura. Hit no país inteiro. Foi importante para transformar a Simone num sucesso popular absurdo e para nós foi fantástico, impulsionou nossa carreira”, relata Kledir (…) *


O GRANDE CIRCO MÍSTICO
Musical criado por Edu Lobo e Chico Buarque para o Ballet Guaira, 1983
 
Meu Namorado (Edu Lobo/ Chico Buarque)  
Gravação exclusiva para o álbum com a trilha sonora

 
VEJA O ENCARTE


CHAMPAGNE
Novela de Cassiano Gabus Mendes
Exibida entre 24 de outubro de 1983 e 5 de maio de 1984, Globo, 20h
 
Mulher da vida (Milton Nascimento/ Fernando Brant)  
Do álbum ‘Delírios,Delícias’, 1983
Tema de Diná (Marieta Severo)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Assim como em “Louco Amor”, o único hit da trilha foi o tema de abertura, “Casanova”, sucesso de Ritchie (…) que anuncia, com sua letra a arranjos charmosos, o clima da trama (…)
(…) Para Dinah (Marieta Severo),  dona de casa que sofre com o desdém do marido Zé Brandão (Jorge Dória), a música é ” Mulher da Vida”, de Milton Nascimento e Fernando Brant, com Simone (…) *


CORPO A CORPO
Novela de Gilberto Braga
Exibido entre 26 de novembro de 1984 e 21 de junho de 1985, Globo, 20h
 
Um Desejo Só Não Basta (Fausto Nilo/ F. Casaverde)  
Do álbum ‘Desejos’, 1984

Tema de Alice (Luíza Tomé)

 

MAIS INFORMAÇÕES

Guto Graça Mello retomou uma composição sua com Naïla Skorpio,  a sensual “Tão beata tão à toa”, gravada por Ângela Ro Ro em 1981 e convidou Marina Lima para regravá-la para a abertura da novela (…) A música reproduz a essência da trama (…)
(…) Outras canções que tocaram foram “Um desejo só não basta”, com Simone (…) *


ROQUE SANTEIRO
Novela de Dias Gomes
Exibida entre 24 de junho de 1985 e 22 de fevereiro de 1986, Globo, 20h
 
A Outra (Ivan Lins/ Vitor Martins)  
Do álbum ‘Cristal’, 1985
Tema de Lulu (Cássia Kiss)
 

MAIS INFORMAÇÕES

“O convite para fazer a trilha foi uma surpresa. Quem me chamou foi o Daniel Filho. Ele achava que precisava dar uma renovada”, relata Mariozinho Rocha, diretor desta trilha emblemática  não apenas por sua qualidade musical, mas pela forma como as canções adquiriram uma profunda identificação com os personagens  (…)
(…) E os outros (…) temas do álbum são “A Outra”, de Ivan Lins e Vitor Martins, gravado por Simone para a dona Lulu (Cássia Kiss), mulher reprimida pelo marido machista Zé das Medalhas (Armando Bogus). *


UMA ESPERANÇA NO AR
Novela de Amilton Monteiro e Ismael Fernandes
Exibida entre 5 de agosto de 1985 e 15 de fevereiro de 1986, SBT, 19h45
 
Íntimo (Sueli Costa/ Abel Silva)  
Do álbum ‘Desejos’, 1984
 

MAIS INFORMAÇÕES

Este álbum foi lançado pela CBS com artistas do seu cast  (…)
(…) são canções menos conhecidas de artistas consagrados como (…) “Íntimo”, com Simone. *


RODA DE FOGO
Novela de Lauro César Muniz
Exibida entre 25 de agosto de 1986 e 21 de março de 1987, Globo, 20h
 
Em Flor (S. Lippman/ Sylvia Dee – versão: Ronaldo Bastos)  
Do álbum ‘Amor e Paixão’, 1986
Tema de Maura Garcez (Eva Wilma)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Esta é a terceira novela das oito consecutiva com seleção musical de Mariozinho Rocha, e o destaque é o tema de abertura, “Pra começar”, em cuja letra Marina Lima anuncia a história de Renato Villar (Tarcísio Meira) (…)(…)  para o reencontro de Renato Villar (Tarcísio Meira) e seu primeiro amor, Maura (Eva Wilma), uma exilada política com quem ele teve Pedro (Felipe Camargo) , o tema é “Em Flor”, versão de Ronaldo Bastos para “Too Young”, sucesso da década de 1950 na voz de Nat King Cole, então interpretada por Simone (…) *


CORPO SANTO
Novela de José Louzeiro e Cláudio MacDowell
Exibida entre 30 de março e 2 de outubro de 1987, Manchete, 21h30
 
Amor Explícito (N.Rezende/ P. Lima / A. Cícero)  
Do álbum ‘Amor e Paixão’, 1986
Tema de Simone (Christiane Torloni)
 

MAIS INFORMAÇÕES

Para essa novela hiper-realista, que retrata o submundo do crime organizado (…) o produtor musical Carlos Sigelmann (…) escolheu como tema de abertura “um lugar no mundo”, música incomum no repertório do Roupa Nova (…) O conjunto também está presente nas duas faixas de maior sucesso, as românticas “Um sonho a dois”, gravada com Joanna para o disco da intérprete,  e “Amor Explícito”, canção sensual  gravada Simone (…) –  tema de Simone Reski (Christiane Torloni) e Téo (Reginaldo Farias). *


SASSARICANDO
Novela de Silvio de Abreu
Exibida entre 9 de novembro de 1987 e 11 de junho de 1988, Globo, 19h
 
Seu Corpo (Roberto Carlos/ Erasmo Carlos)  
Do álbum ‘Vício’, 1987
Tema de Penélope (Eva Wilma) e Tadeu (Roberto Battaglin)
 

MAIS INFORMAÇÕES

“Eu estava na casa do Daniel Filho e ele disse: ‘Tenho um nome ótimo para uma novela das sete, ‘Sassaricando’. Eu gostei e aí, a partir do nome e, consequentemente, da música, vieram os personagens e toda a novela”, conta Sílvio de Abreu.
Também fizeram sucesso (…) “Seu Corpo”, de Roberto e Erasmo Carlos, gravado pelo primeiro em 1975 e regravado por Simone, tema de Penélope (Eva Wilma) e sua paixão pelo jovem Tadeu (Roberto Bataglin), sócio de seu filho Beto (Marcos Frota)  (…) *


O SALVADOR DA PÁTRIA
Novela de Lauro Cesar Muniz
Exibida entre 9 de janeiro e 12 de agosto de 1989, Globo, 20h
 
O Tempo Não Pára (Cazuza/ Arnaldo Brandão)  
Do álbum ‘Sedução’, 1988
Tema de Severo Toledo Blanco (Francisco Cuoco)
 

MAIS INFORMAÇÕES

(…) Para essa trama sobre o poder, o produtor Sérgio de Carvalho emplacou quatro enormes sucessos (…) “Lua e flor”, de Oswaldo Montenegro (…) “Direto no olhar”, que Rosana gravou sob encomenda (…) “Deus te proteja de mim”, com Wando (…)

Mas o maior sucesso foi “Bem que se quis”, versão de Nelson Motta para “E po’ che fa”, de Pino Daniele, gravada por Marisa Monte (…)

Outros temas marcantes são “Jade”, bolero de João Bosco que ilustrou as cenas de Clotilde; e “O tempo não pára”, rock de Cazuza e Armando Brandão gravado por Simone, que narra a angústia de um “perdedor” oprimido pelo reacionarismo vigente e, ironicamente, serviu de tema ao corrupto Severo  (Francisco Cuoco)  – e a palavra puteiro, do trecho “Te chamam de ladrão, de bicha, maconheiro/ transformam o país inteiro num puteiro/ porque assim se ganha mais dinheiro”, foi lamentavelmente suprimida da gravação (…) *


GOYA … A LIFE IN SONG
Teatro musical baseado na vida e obra do pintor espanhol Francisco Goya, com músicas compostas por  Maury Yeston.
 
A ópera pop não chegou a ser encenada, mas sua trilha sonora foi gravada (em várias edições) e lançada em 1989 pela CBS/Columbia.
 
Apaixonou – Till I Loved You (M.Yeston – versão Ronaldo Bastos)  
Do álbum ‘Sedução’, 1988
Tema de Goya e da Duquesa de Alba
Em outras edições da trilha sonora este tema é interpretado por cantoras como Dionne Warwick 

 
VEJA O ENCARTE

 
OUÇA 2 VERSÕES DE 'APAIXONOU - TILL I LOVED YOU'

1. Simone e Plácido Domingo

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

 
2. Dionne Warwick e Plácido Domingo

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


TIETA
Novela de Aguinaldo Silva, Ana Maria Moretzsohn e Ricardo Linhares
Exibida entre 14 de agosto de 1989 e 31 de março de 1990, Globo, 20h
 
Uma Nova Mulher (P. Debétio/ P. Rezende)  
Do álbum ‘Simone’, 1989
Tema de Tonha (Yoná Magalhães)

ANOS 1990
PANTANAL
Novela de Benedito Ruy Barbosa
Exibida entre 27 de março e 10 de dezembro de 1990, Manchete, 21h30
 
Apaixonada (Tunai)  
Do álbum ‘Simone’, 1989
Tema de Irma (Elaine Cristina)

ARAPONGA
Novela de Dias Gomes
Exibida entre 15 de outubro de 1990 a 29 de março de 1991, Globo, 21h30
 
Carta Marcada (César Camargo Mariano/ Ronaldo Bastos)  
Do álbum ‘Sedução’, 1988
Tema de Magali Santanna (Christiane Torloni)

 

MAIS INFORMAÇÕES

Uma versão instrumental da música ‘Carta Marcada’, de Cesar Camargo Mariano, já havia sido incluída na novela ‘Mandala’ (exibida entre outubro de 1987  e maio de 1988, Globo) com o título de ‘Uma Mulher’. Para o álbum ‘Sedução’ de Simone, lançado em outubro de 1988, a música recebeu letra de Ronaldo Bastos, título de ‘Carta Marcada’ e foi, posteriormente, incluída na novela ‘Araponga’.

OUÇA AS 2 VERSÕES

1. ‘Uma Mulher’ – instrumental (Cesar Camargo Mariano) incluída na trilha sonora de ‘Mandala’, 1987/1988

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

2.‘Carta Marcada’ – Simone (Cesar Camargo Mariano/ Ronaldo Bastos) incluía na trilha sonora de ‘Araponga’, 1990/1991

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


PERIGOSAS PERUAS
Novela de Carlos Lombardi
Exibida entre 10 de fevereiro e 29 de agosto de 1992, Globo, 19h
 
Será (Dado Villa Lobos/ Renato Russo / Marcelo Bonfá)  
Do álbum ‘Raio de Luz’, 1991
Tema de Leda (Silvia Pfeifer)

DE CORPO E ALMA
Novela de Glória Perez
Exibida entre 3 de agosto de 1992 e 6 de março de 1993, Globo, 20h
 
Raios de Luz (Cristóvão Bastos/ Abel Silva)  
Do álbum ‘Raio de Luz’, 1991
Tema de Abertura    e Tema de Paloma (Cristiana Oliveira)

MULHERES DE AREIA  
Novela de Ivani Ribeiro
Exibida entre 1 de fevereiro e 25 de setembro de 1993, Globo, 18h
 
Desafio (Ivan Lins/ Vitor Martins)  
Do álbum ‘Raio de Luz’, 1991
Tema de Arlete (Thaís de Campos)

A PRÓXIMA VÍTIMA
Novela de Sílvio de Abreu
Exibida entre 13 de março e 4 de novembro de 1995, Globo, 20h
 
Quem é Você (Isolda/ Eduardo Dusek)  
Do álbum ‘Simone Bittencourt de Oliveira’, 1995
Tema de Carmela (Yoná Magalhães)

EXPLODE CORAÇÃO
Novela de Glória Perez
Exibida entre 6 de novembro de 1995 e 4 de maio de 1996, Globo, 20h
 
Pensamentos (Roberto Carlos/ Erasmo Carlos)  
Do álbum ’25 de Dezembro’, 1995
Tema de Eugênia (Françoise Forton)

ANJO DE MIM
Novela de Walther Negrão
Exibida entre 9 de setembro de 1996 e 29 de março de 1997, Globo, 18h
 
Anjo de Mim (Ivan Lins/ Vitor Martins)  
Do álbum ‘Oceano’, 1996, de Sérgio Mendes
Tema de abertura – Simone e Sérgio Mendes  

O AMOR ESTÁ NO AR
Novela de Alcides Nogueira
Exibida entre 31 de março e 6 de setembro de 1997, Globo, 18h
 
Beija, Me Beija, Me Beija (Zé Catimba/M. Vila)  
Do álbum ‘Café com Leite’, 1996
Tema de Guima (Nuno Leal Maia) e Candê (Lady Francisco)

TORRE DE BABEL
Novela de Sílvio de Abreu
Exibida entre 25 de maio de 1998 e 16 de janeiro de 1999, Globo, 20h

 
Loca (Willie Nelson – versão: R. Livi)  
Do álbum ‘Loca’, 1998
Tema de Celeste (Letícia Sabatella)

PEROLA NEGRA
Novela baseada no original de Enrique Torres, adaptação de Henrique Zambelli
Exibida entre 10 de maio de 1999 e 29 de janeiro de 2000, Globo, 18h

 
Abrázame (J.Iglesias/ R.Ferro)  
Do álbum ‘Loca’, 1998
* A trilha sonora não foi lançada em CD

FORÇA DE UM DESEJO
Novela de Gilberto Braga, Alcides Nogueira e Sérgio Marques
Exibida entre 9 de novembro de 1998 e 18 de junho de 1999, Globo, 18h
 
Valsa do Desejo (Roger Henri/ Aldir Blanc)  
Gravação exclusiva  para a trilha sonora da novela
Tema de Ester Dellamare  (Malu Mader) e Inácio (Fábio Assunção)

ANOS 2000
LAÇOS DE FAMÍLIA
Novela de Manoel Carlos
Exibida entre 5 de junho de 2000 e 3 de fevereiro de 2001, Globo, 20h
 
Sentimental Demais (E. Gouveia/ J.Amorim)  
Do álbum ‘Fica Comigo Esta Noite’, 2000
Tema de Danilo (Alexandre Borges)

UM ANJO CAIU DO CÉU
Novela de Antônio Calmon
Exibida entre 22 de janeiro e 25 de agosto de 2001, Globo, 19h

 
Desenho de Giz (João Bosco/ Abel Silva)  
Do álbum ‘Fica Comigo Esta Noite’, 2000 (editada sem a participação de João Bosco)
Tema de João Medeiros (Tarcísio Meira)
 
OUÇA AS 2 VERSÕES

1. Simone e João Bosco – ‘Desenho de Giz’ – Álbum ‘Fica Comigo Esta Noite’, 2000

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

 
2. Simone – ‘Desenho de Giz’ – Trilha Sonora ‘Um Anjo Caiu do Céu’, 2001

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.


DESEJOS DE MULHER
Novela de Euclydes Marinho
Exibida entre 21 de janeiro e 24 de agosto de 2002, Globo, 19h
 
Muito Estranho (Dalto)  
Do álbum ‘Seda Pura’, 2001
Tema de Andréa Vargas (Regina Duarte)

CELEBRIDADE
Novela de Gilberto Braga
Exibida entre 13 de outubro de 2003 e 26 de junho de 2004, Globo, 21h
 
Ex-Amor (Martinho da Vila)    
Do álbum ‘Café com Leite’, 1996
Tema de Maria Clara (Malu Mader) e Fernando (Marcos Palmeira)
Simone participa de um dos capítulos da novela cantando o tema ao lado de Martinho da Vila

SENHORA DO DESTINO
Novela de Aguinaldo Silva
Exibida entre 28 de junho de 2004 e 12 de março de 2005, Globo, 21h
 
É Festa (Ivan Lins/ Paulo César Pinheiro)  
Do álbum ‘Baiana da Gema’, 2004
Tema de Reginaldo (Eduardo Moscovis) e Viviane (Letícia Spiller)

 

OS RICOS TAMBÉM CHORAM
Novela baseada no original de Inés Rodena, adaptação de Aimar Labaki, Gustavo Reiz e Conchi La Branna
Exibida entre 18 de julho de 2005 e 13 de janeiro de 2006, SBT, 21h
 
Carinhoso (João de Barro/ Pixinguinha)  
Do álbum ‘Sou Eu’, 1993
Tema de Mariana (Thaís Fersoza)
 

BELÍSSIMA
Novela de Silvio de Abreu
Exibida entre 7 de novembro de 2005 e 8 de julho de 2006, Globo, 21h

 
Então me diz (Damien Rice – versão: Zélia Duncan)  
Do álbum ‘Simone Ao Vivo’, 2005
Tema de Júlia Assumpção (Glória Pires) e André Santana (Marcello Antony)

PAIXÕES PROIBIDAS
Novela de Aimar Labaki
baseada nos romances ‘Amor de Perdição’, ‘Mistérios de Lisboa’ e ‘Livro Negro de Padre Dinis’ de Camilo Castelo Branco
Exibida entre 14 de novembro de 2006 e 8 de junho de 2007, BAND, 22h
 
Enrosco (Ivan Lins/ Flora Figueiredo)  
Do álbum ‘Baiana da Gema’, 2004
A trilha sonora não foi lançada em CD

  

VIDAS OPOSTAS
Novela de Marcílio Moraes
Exibida entre 21 de novembro de 2006 e 27 de agosto de 2007, Record, 22h
 
Gota D’ Água (Chico Buarque)  
Do álbum ‘Gotas d’água’, 1975

 

PARAÍSO TROPICAL
Novela de Gilberto Braga e Ricardo Linhares
Exibida entre 5 de março e 29 de setembro de 2007, Globo, 21h
 
Existe um céu (Francis Hime/ Geraldo Carneiro)   
Gravação exclusiva  para a trilha sonora da novela
Tema de Fabiana (Maria Fernanda Cândido)
Simone participa de um dos capítulos da novela cantando ‘Existe um céu’  e ‘Codinome beija-flor’ (Reinaldo Arias, Cazuza e Ezequiel Neves) acompanhada por Francis Hime (voz e piano) e Julinho Teixeira (acordeon)

QUERIDOS AMIGOS
Minissérie de Maria Adelaide Amaral baseada em seu romance ‘Aos Meus Amigos’
Exibida entre 18 de fevereiro a 28 de março de 2008, Globo, 23h
 
O que será (Chico Buarque)  
Do álbum ‘Face a Face’, 1977
Tema de Ivan (Luiz Carlos Vasconcelos)

TRÊS IRMÃS
Novela de Antônio Calmon
Exibida entre 15 de setembro de 2008 e 11 de abril de 2009, Globo, 19h
 
Medo de amar no. 2 (Sueli Costa/ Tite Lemos)  
Do álbum ‘Amigo é Casa’, 2008
Tema de Alcides (Marcos Caruso) e Walkíria (Maitê Proença)

PODIA ACABAR O MUNDO
Novela de Manuel Arouca
Exibida entre 1 de outubro de 2008 e 3 de julho de 2009, SIC (Portugal), 23h
 
Desencontro (Luis Represas/ Margarida Corrêa)  
Do álbum ‘Olhos nos Olhos’, 2008, de Luis Represas
Tema de Vitória (Cláudia Vieira) e Emídio (João Reis) – Hélder (Paulo Rocha) e Sara (Adelaide de Souza)

ANOS 2010
VIVER A VIDA
Novela de Manoel Carlos
Exibida entre 14 de setembro de 2009 e 14 de maio de 2010, Globo, 21h
 
Migalhas (Erasmo Carlos)  
Do álbum ‘Na Veia’, 2009
Tema de Renata (Bárbara Paz) e Miguel (Mateus Solano)

INSENSATO CORAÇÃO
Novela de Gilberto Braga e Ricardo Linhares
Exibida entre 17 de janeiro e 20 de agosto de 2011, Globo, 21h
 
Love (Paulo Padilha)  
Do álbum ‘Na Veia’, 2009
Tema de André Gurgel (Lázaro Ramos)

EM FAMÍLIA
Novela de Manoel Carlos
Exibida entre 3 de fevereiro e 19 de julho de 2014, Globo, 21h
 
Descaminhos (Joanna/ Sarah Benchimol)  
Do álbum ‘É Melhor Ser’, 2013
Tema de Nando (Leonardo Medeiros)